Quem escreve errado pode ter menos chances até no amor

03 de fevereiro de 2021 0 min

Enquete de site de relacionamento mostra que textos mal redigidos tornam as pessoas menos atraentes  

Se você é desleixado com a Língua Portuguesa e não se empenha para escrever corretamente, tenho uma péssima notícia para dar: escrever errado deixa as pessoas menos atraentes.   

É o que aponta uma enquete com 200 pessoas realizada pelo aplicativo de relacionamento AdoteUmCara. As respostas indicam que os perfis bem redigidos têm 59% de chance de serem escolhidos para um bate papo.  

Se uma mensagem com erros reduz as chances de conquista, imagine o que ela não traz de prejuízo para sua vida profissional.   

A verdade é que expressar-se bem, falando ou escrevendo, não pode ser visto como algo dispensável, de pequena importância. A língua é uma das bases da vida em sociedade porque permite a comunicação entre as pessoas.  

E zelar pela língua é essencial para garantir clareza do que queremos comunicar, evitando ambiguidades e erros de interpretação. Mensagens ambíguas e mal construídas podem levar a erros operacionais, conflitos com colegas e até prejuízos financeiros para a empresa.  

Se você não gosta de estudar o português e acha que não precisa escrever bem, pense em outro tipo de linguagem. Seria possível, por exemplo, trabalhar com programação sem aprender a linguagem correta, adequada? É possível tocar um instrumento sem usar as notas corretas?  

O avanço tecnológico dos meios de comunicação fez com que a escrita se tornasse uma das principais formas de troca de informações, principalmente em ambientes corporativos. Escrever bem se tornou uma habilidade essencial para quem pretende se destacar no mercado de trabalho, alcançando altos cargos e uma carreira de sucesso. Escrever bem organiza as ideias, transmite confiança e seriedade.  

Bilhetes, e-mails, relatórios, documentos de todo tipo são um bicho de sete cabeças para você? Experimente seguir essas dicas:  

1. Adote um livro de cabeceira

Não há dúvida de que para escrever bem, é preciso ler muito. Escolha um livro do seu interesse e leia pelo menos algumas páginas todos os dias. Você vai ganhar vocabulário e incorporar estruturas gramaticais, quase sem sentir.   

2. Aproveite qualquer ocasião para escrever 

No dia a dia encontramos várias ocasiões para treinar a escrita. E-mails, recados, bilhetes, lembretes, cartas, letras de música e até poemas. Preste atenção no conteúdo mas também na forma. E desconfie de palavras não usuais: vá ao dicionário certificar-se de que estão escritas corretamente.  

3. Peça para alguém revisar e seja humilde 

Revise o que escrever e peça para mais alguém ler, buscando sugestões para melhorar. Seja humilde para ouvir e tentar melhorar.  

4. Não seja escravo do corretor ortográfico 

O corretor automático pode atrapalhar mais do que ajudar. Sem ele você fica inseguro. A dica é substituir a ferramenta por bons materiais de consulta, como um dicionário atualizado pelo novo acordo ortográfico e uma gramática confiável - materiais que você encontra online.  

5. Investigue o que você (ainda) não sabe

Não fuja de suas dúvidas, mudando a frase para evitar erro. Aproveite-as para aprender, consultando os materiais de referência. 




 
 


Compartilhe