A educação na era digital e as novas práticas metodológicas

23 de abril de 2019 0 min

Por Mara Rúbia Muniz Monteiro, coordenadora de curso 

As formas de viver, de se relacionar, e de se comunicar, se alteraram nas sociedades contemporâneas, e com o processo de aprendizagem, não poderia ser diferente. Todas essas mudanças tem uma característica em comum e muito definidora de todas elas: a inserção em massa das sociedades no mundo digital. Em trinta anos observamos um processo que vai desde a invenção e popularização do microcomputador até a praticidade de termos acesso a um mundo infinito de informações na ponta de nossos dedos a partir de um aparelho que cabe em nossos bolsos.

O acesso à internet através de computadores e smartphones de fato revolucionaram o mundo que vivemos. Ainda que se argumente que tais mudanças trouxeram certos problemas, há muitas possibilidades que se abriram e que podem auxiliar no desenvolvimento de uma sociedade melhor. O mundo digital também trouxe novos caminhos e desafios para a educação. Mudanças na composição da sala de aula, no modo de ensinar e de trocar conhecimento já são uma realidade. Com o auxílio dessas novas tecnologias podemos pensar em novas formas de garantir o acesso a educação e melhorar a qualidade no ensino do nosso país.

A Educação à Distância (EaD) é uma das possibilidades que tem ganhado destaque nas mudanças mais recentes. A viabilidade de ensinar e aprender em espaços e tempos diferentes marcam a denominada Era Digital no campo da educação. No ano de 2017, o Brasil tinha mais de 7 milhões de alunos na modalidade EAD (CENSO EAD.BR, 2018). Atualmente, instituições credenciadas pelo governo, podem ofertar o Ensino Superior e a Pós-graduação, em parte ou em sua totalidade, na modalidade à distância (BRASIL, 1996). Além disso, o Conselho Nacional de Educação já sinalizou que até 20% da carga horário do Ensino Médio poderá ser ofertada à distância (FAJARDO, 2018).

Com tantas mudanças novas desafios se apresentam ao profissional da educação. Repensar as metodologias, as formas de ensino e as técnicas utilizadas se fazem essenciais nesse novo contexto. Blended learning (aprendizagem híbrida), sala de aula invertida (flipped classroom), método do caso, aprendizagem baseada em projetos, aprendizagem baseada em games e gamificação, design thinking, são algumas das mais recentes metodologias de aprendizado que surgiram nessa Era (TERRA, 2018).

O Ensino à Distância possibilita não só uma nova relação com o espaço e tempo, mas com a aprendizagem. Processos mais autônomos e com maior liberdade são algumas das vantagens desse tipo de modalidade. Não estar mais preso a uma sala de aula, por um período delimitado, oferece ao aluno uma série de opções que podem auxiliar no processo de aprendizagem. Mas, e o professor? Como participar das mudanças nesse processo?

Estar atento às novas demandas e desafios do mundo da educação é estar disposto e em continua capacitação. Youtube, Podcasts, Edmodo, Ferramentas do Google, entre outras, são tipo de ferramentas que podem auxiliar no processo de aprendizagem na Era Virtual, conectando professor e aluno através de outras metodologias (MONTEIRO; PEREIRA, 2018). Atualizar-se, capacitar-se e evoluir será o caminho para os professores da Era Digital.


Referências

 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA – ABED. Censo EAD.BR: relatório analítico da aprendizagem a distância no Brasil 2017. Curitiba:

InterSaberes, 2018.

BRASIL. LEI Nº 9.394. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional.20 dez. 1996. Disponível em: . Acesso em: 22 jan. 2019.

FAJARDO, Vanessa. Ensino a distância: liberados para ensino médio, cursos EAD ainda são piores que presenciais. G1. 18 dez. 2018. Educação. Disponível em: . Acesso em: 22 jan. 2019.

MONTEIRO; Mara; PEREIRA, Kelly. Educação a distância na era digital: perspectivas para pensar os novos atores virtuais–nativos e imigrantes digitais. In: Congresso Internacional de educação e tecnologias e Encontro de Pesquisadores em educação à distância, 2018, São Carlos. [Anais...]. São Carlos: CIET EnPED, 2018.

TERRA. Uso de metodologias ativas e novas tecnologias cresce na educação a distância. 12 abr. 2018. Dino. Disponível em: . Acesso em: 22 jan. 2019.

Comentários