O trabalho do psicopedagogo clínico e institucional em foco

23 de abril de 2019 0 min

Por Mara Rúbia Muniz Monteiro, Coordenadora do Curso. 

As dificuldades no processo de aprendizagem podem aparecer de diferentes formas e em diferentes etapas. Viver em mundo com tantas informações pode gerar certas adversidades na compreensão e no andamento das nossas tarefas e atividades. Por isso, profissionais que possam identificar, acompanhar e participar do desenvolvimento da aprendizagem de um indivíduo ou grupo são cada vez mais demandados pela sociedade contemporânea.

Uma criança em um processo de alfabetização, um idoso se familiarizando com os recursos tecnológicos de nosso tempo, uma jovem em uma nova empresa. Não importa qual o desafio e quem esteja traçando, todos podem apresentar dificuldades na aprendizagem de uma nova atividade. Dificuldades em aprender algo novo não significa falta de capacidade, mas sim, uma demanda mais específica para compreender o objetivo a ser cumprido.

A psicopedagogia é uma área interdisciplinar que busca focalizar suas ações nos processos de aprendizagem. A regulamentação do profissional dessa área já foi aprovada no Senado e segue em tramitação – PLC 31/210. Atualmente, através de consultorias, assessorias e orientações, a atividade de um psicopedagogo envolve: “a) promover a aprendizagem, contribuindo para os processos de inclusão escolar e social; b) compreender e propor ações frente às dificuldades de aprendizagem; c) realizar pesquisas científicas no campo da Psicopedagogia; d) mediar conflitos relacionados aos processos de aprendizagem” (ABPP, 2011, s/p).

Essas atividades estão divididas em duas grandes áreas de atuação: clínica e institucional. O trabalho psicopedagógico desenvolvido em clínicas é feito a partir um atendimento individualizado, enquanto o trabalho institucional é realizado com foco em grupos, sejam escolas, empresas, hospitais ou qualquer outra instituição que demande tais serviços. Em ambos os casos, o profissional produz um diagnóstico e um plano de trabalho para solução dos problemas identificados.

Uma sociedade caracterizada pelo alto volume de informações e tecnologias, como a nossa, estará cada vez mais preocupada em como garantir o desenvolvimento de cada pessoa. O processo de aprendizagem pode apresentar certos obstáculos, mas um especialista, com formação e experiência, pode garantir um crescimento pessoal e profissional de sucesso.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PSICOPEDAGOGIA – ABPP. Código de ética do psicopedagogo. Disponível em: . Acesso em: 21/01/2019.

Comentários