Escrito por Grupo Opet | Atualizado em 1 de agosto de 2018

Compartilhe:

Você se esforçou e conquistou aquela tão sonhada vaga no ensino superior. Sem dúvidas, isso já é uma conquista e tanto! Porém, se manter nos estudos nem sempre é fácil. Ainda mais quando surgem dificuldades econômicas na faculdade.

Embora este seja um cenário que preocupa, o importante é não desanimar. Isso porque há alguns caminhos que auxiliam na realização do sonho de ter uma formação. E é sobre eles que vamos falar no post de hoje. Continue a leitura e descubra quais são as alternativas!

 

Dicas para dificuldades econômicas na faculdade

Você está passando por dificuldades econômicas na faculdade? Então, confira algumas possibilidades para conquistar o tão desejado diploma. Elas podem ir desde as bolsas de estudo até o financiamento universitário. Acompanhe cada modalidade:

 

Bolsas de estudo

As bolsas de estudo são uma ótima alternativa para os estudantes, uma vez que podem ser oferecidas pela própria faculdade, empresas privadas ou governo. Existem ainda as bolsas parciais – que pagam parte da mensalidade – ou totais – cobrindo 100% das despesas.

Geralmente, as instituições exigem alguns critérios de participação. O que pode ser desde a comprovação de renda do estudante e de toda a sua família até o desempenho escolar. De qualquer maneira, vale à pena procurar a secretaria ou o site oficial da universidade.

 

Financiamento

É possível financiar os estudos de duas maneiras. A primeira é através do FIES (Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior), no qual o Governo Federal permite o subsídio de até 100% do curso.

Já a segunda pode ocorrer diretamente com a universidade. Muitas instituições particulares têm oferecido esta modalidade nos últimos anos. Algumas até dão a opção do aluno pagar as mensalidades depois que ele já concluiu os estudos.

O PRAVALER é uma opção de financiamento exclusivo para quem cursa o ensino superior. Com ele, é possível pagar mensalidades parceladamente. Para contratar esta modalidade, você precisa de um fiador com renda a partir de 1 salário mínimo, comprovar renda mínima de 2 vezes o valor da mensalidade e não ter restrições de crédito.

Por fim, ainda existem os programas de financiamento interno como o FicOpet, do UniOpet. Ele tem como objetivo ajudar o aluno a iniciar ou continuar seus estudos, até que consiga ser aprovado no FIES ou solucione os problemas financeiros.

 

Convênio com empresas

A opção de convênio entre universidade e empresas também é uma ótima alternativa para você concluir os estudos. Dessa forma, o aluno tem a oportunidade de ter contato com sua futura profissão – antes mesmo da formatura.

Algumas faculdades oferecem a isenção da taxa de vestibular e descontos especiais nas mensalidades.

 

ProUni

O Programa Universidade para Todos (ProUni) é promovido pelo Governo Federal e oferece bolsas parciais ou totais de estudo em faculdades particulares para alunos de baixa renda. Para ser beneficiado por ele, é obrigatório já ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), atingir nota mínima de 450 pontos na prova e também não zerar a redação.

 

Pesquise sobre as demais alternativas

Além de bolsas e programas que financiam as despesas com ensino superior, ainda existem outras opções para quem possui dificuldades econômicas na faculdade. Um bom meio são os cursos online, que geralmente custam menos do que os tradicionais. Aqui no UniOpet contamos com mais de 10 opções de cursos em módulo de Educação a Distância (EaD).

Além disso, com um curso EaD você também diminuirá certos gastos, como a alimentação e o transporte. Esse valor economizado pode ser utilizado para realizar o pagamento das mensalidades.

Outra dica importante é rever o seu orçamento. Corte ao máximo as despesas supérfluas e gaste o mínimo possível com o cartão.

Gostou deste texto? O blog do UniOpet tem diversos outros artigos para ampliar seu conhecimento. Confira!

Compartilhe: